Como o Blockchain Resolve Problemas Reais para as Marcas de Luxo?

Escrito por Gregory Pouy — membro da equipe Arianee.

1_d1UE1-R_Jd7hyD9MEPokNA.png

“O que o blockchain realmente significa para a minha marca?”

Essa é uma pergunta que o C.M.O de uma famosa marca de luxo me perguntou.

Quando uma nova tecnologia com potencial para impactar indústrias inteiras emerge, esta é uma reação bastante comum! Mesmo se desconsiderássemos o hype de que “blockchain é a próxima revolução”, a realidade da situação era que, mesmo que eu tivesse ficado lá o dia todo tentando explicar para ele, ele provavelmente ainda não teria uma compreensão completa do ponto de vista operacional, mas isso não é culpa dele.

Então, o que é exatamente essa “revolução”?

Blockchain é frequentemente apresentado em um contexto técnico e — sejamos honestos — é muito abstrato, e também requer uma organização com muita disposição para aceitar uma mudança dessa magnitude.

De maneira nenhuma sou um autoproclamado “especialista em blockchain”, mas eis o que aprendi desde que comecei minha jornada com o projeto Arianee, o protocolo baseado em blockchain para a indústria de luxo.

Como pode blockchain impactar a indústria de luxo?

1_UKNCeLfbfNt2RRbUpGiDwA.png

Simplificando, blockchain é a digitalização da confiança. A confiança está em toda parte em nossas interações do dia-a-dia, especialmente quando se trata de transações envolvendo itens de luxo de alto nível.

Vamos dar um exemplo da vida real:

Certa vez, eu queria comprar um relógio vintage caro no mercado de segunda mão.

Minha prioridade era ter certeza de que era autêntico. Meu primeiro pensamento foi analisar o site da marca para descobrir se eles vendiam relógios de segunda mão verificados. Eles não fizeram isso, então eu twittei a marca para perguntar como eu poderia lidar com isso na melhor das hipóteses.

A resposta da marca foi, em essência, “Compre e leve para uma de nossas lojas e informaremos se ele é autêntico e se está em boas condições de funcionamento”.

Como comprador, fui presenteado com um grande problema. Comprar o relógio primeiro, antes de verificar sua autenticidade, não fazia absolutamente nenhum sentido para mim!

Certamente, o vendedor deve ser capaz de fornecer uma fatura e um certificado de autenticidade. Mas, sabendo que os falsificadores são capazes de replicar um relógio dessa complexidade, certamente eles não teriam problemas para gerar uma fatura falsa no Photoshop.

A realidade é que a falsificação prejudica muito mais as empresas de luxo do que as pessoas pensam. Não só alguns consumidores honestos são enganados em pagar o preço total por produtos falsificados ou roubados, mas também há um enorme impacto no trabalho de artesãos reais. Como escreveu a minha colega Emmanuelle Collet em seu artigo, 4 razões pelas quais a tecnologia Blockchain irá impactar a indústria de luxo“os produtos falsificados podem custar à economia global até US $ 250 bilhões por ano”.

A tecnologia Blockchain pode, de fato, ajudar a combater a falsificação e a Arianee pretende contribuir de uma maneira importante. Blockchain é confiável pelo design porque é descentralizado (você pode ler um artigo incrível aqui explicando porque é importante) e independente, o que significa que todos podem participar.

Ao utilizar o blockchain para criar um certificado digital de qualquer item de luxo que você comprar, você será capaz de verificar se um produto é autêntico, se não foi roubado e se está sendo bem cuidado, apenas usando o aplicativo Arianee. Os usuários poderão registrar todos os seus ativos valiosos nesse único aplicativo, independentemente de qual marca ele pertence.

A visão final de Arianee é tornar-se o principal protocolo de prova de autenticidade do mundo para todos os bens valiosos que existem no mundo.

CRM para marcas através da tecnologia blockchain

1_fJCL7EGqtdXgRm7TBeRb2A.jpeg

Da apresentação do Slideshare “ Blockchain: the next frontier of CRM”

O gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRM) é uma atividade cara e complicada. Como a maioria das marcas de luxo leva os dados de seus clientes muito a sério, eles não confiam em terceiros e geralmente desenvolvem soluções internas para gerenciar os contatos.

Isso é bom do ponto de vista de um cliente, mas, do ponto de vista de uma marca, essas soluções costumam ficar desatualizadas e as Marcas não conseguem fornecer conteúdo personalizado adequado de maneira muito responsiva.

Outro grande problema enfrentado pelas marcas é o mercado negro. Quando os proprietários de artigos de luxo decidem que é hora de vender, a marca não tem como chegar a esses compradores de segunda mão e, para piorar as coisas, eles perdem contato com os proprietários originais. Obviamente, o mesmo poderia ser dito para o mercado de segunda mão ou produtos herdados.

Através da Arianee, as marcas terão um canal que lhes permite comunicar anonimamente com a pessoa que realmente possui o certificado digital (e, portanto, o produto), seja ele o comprador original ou um proprietário subsequente. E, por sua própria natureza, o blockchain de Arianee é totalmente compatível com o GDRP e não compromete os dados pessoais dos clientes.

Qual a diferença entre ser um protocolo e ser uma startup?

A essência da tecnologia blockchain é a descentralização. Isso significa que a rede requer diferentes tipos de organizações participantes para permitir que todos participem. Não há necessidade de um coordenador centralizado como o de uma startup; em vez disso, as organizações habilitadas por blockchain desenvolvem protocolos.

O protocolo é a garantia de que qualquer participante pode confiar na integridade do sistema. Eu percebo que isso ainda soa bastante complicado e posso imaginar que você pode estar se perguntando: “Mas se todos puderem participar e ninguém controlá-lo, como posso confiar em uma coisa dessas?”

É uma pergunta justa, mas gostaria que você tivesse em mente dois dos pilares fundamentais da tecnologia blockchain:

- O Mecanismo de Consenso: é um conjunto de regras que alinha os interesses de todos os usuários. Isso resolve como novas informações são adicionadas ao blockchain, bem como os novos recursos ou as atualizações para a rede.

- A estrutura de dados: no blockchain, cada usuário armazena uma cópia de todo o banco de dados, o que significa que, mesmo que você queira parar de participar, ainda poderá acessar e reutilizar todos os seus dados. Mas esses dados são criptografados e só podem ser lidos se o usuário fornecer sua chave para descriptografar.

Em essência, ser um protocolo garante total independência e segurançaem torno dos dados, mas também permite que terceiros adicionem novas camadas se respeitarem as regras do mecanismo de consenso.

Falando pessoalmente, posso dizer que Arianee foi o primeiro projeto que eu ouvi falar que eu poderia entender facilmente e imaginar como ele poderia trazer valor para todos (exceto para falsificadores e ladrões), e é por isso que eu decidi participar desta incrível equipe nesta jornada.

Todas as suas perguntas, idéias e comentários são bem-vindos.

Além disso, se você trabalha em uma marca de luxo, gostaríamos de conversar e ouvir suas dores específicas para que possamos moldar Arianee as suas necessidades.







Vinnie Rodrigues